domingo, 29 de abril de 2012

Lindos dias de chuva

3 Amigas Comentaram. Experimenta!

As famosas águas de março nem apareceram com tanta frequência assim para fechar o verão, mas, cada vez mais, os dias se revezam entre céu azul e aquele cinza capaz de tirar o humor de qualquer um. Mas será que há uma maneira de driblar isso? Como ver graça em um  dia de chuva?

Quando eu era pequena, assisti a um filme francês chamado "Os Guarda-Chuvas do amor", no qual a personagem da liiiiiiiiinda Catherine Deneuve tinha, junto com sua mãe, uma pequena loja de guarda-chuvas na cinzenta cidade de Cherbourg. O filme tem uma fotografia maravilhosa e o figurino é simplesmente inspirador! Depois de grande, não sosseguei até conseguir o DVD (vale a pena, tanto para quem gosta de cinema quanto para quem realmente gosta de moda, e não só de modismos). E, não é à toa que os Guarda-chuvas dão título ao filme: são eles os responsáveis por colorir aquele céu cinzento, dando uma graça única à fotografia do filme. Desde então, adoro guarda-chuvas (apesar de perder vários, das formas mais obtusas: uma proeza!), e amo a forma como eles podem dar a um retrato melancólico, cores vibrantes a ponto de nos trazer o sorriso de volta!



Para encher vocês de inspiração para que abusem do poder dos guarda-chuvas, montei a galeria abaixo. Vamos deixar combinado que no próximo pé d'água, faremos a nossa parte para que o dia continue sendo lindo, ainda que com chuva? Então...pode mandar a água de vez em quando, São Pedro! "We'll keep it beautiful"!


















P.S: Toque de blogueira Beatlemaníaca:


quinta-feira, 26 de abril de 2012

Skin Ceuticals C E Ferulic: um mês de teste com o queridinho das divas de Hollywood

50 Amigas Comentaram. Experimenta!

Em novembro do ano passado, fui a um evento da L'oreal em que tive a oportunidade de experimentar o Skin Ceuticals C E Ferulic. Trata-se de um sérum super concentrado com substâncias antioxidantes que, com 5 gotinhas por dia aplicadas no rosto, pescoço e colo, conquistou uma legião de divas de Hollywood, fascinadas por seu efeito. Bom, eu só tinha usado as tais 5 gotinhas naquele dia. Confesso que fiquei impressionada com a textura que a pele assumiu IMEDIATAMENTE. Mais viva, mais lisa, mais luminosa (não brilhante, please!). Já saí do evento com a ideia fixa de comprar um C E Ferulic para chamar de meu, mas foi um desencontro atrás do outro: quando eu tinha dinheiro, não o encontrava. Quando ele me encontrava, o bolso estava vazio. E assim foi até o mês passado.

Fui dar aquela gastadinha mensal na farmácia mais próxima (no caso, a Droga Raia, em Copacabana), e lá estava ele, praticamente acenando para mim. Claro que não titubeei e incluí o C E Ferulic na cestinha de compras. Na mesma noite, já estava usando.

Como Usar: No evento aprendi que você deve pingar de 4 a 5 gotinhas na palma da mão, e aplicar, com a ponta dos dedos, o produto no rosto (evitando a região dos olhos), pescoço e colo. O restinho que sobrar, pode (e deve!) ser aproveitado para o dorso das mãos. Se você optar por passar de dia, pode aplicar normalmente seu hidratante e protetor solar por cima. Se aplicar à noite, depois dele podem ser aplicados cuidados locais como creme para a área dos olhos, contorno dos lábios, etc.

5 gotinhas por dia e...Bibbidi Bobbidi Boo: "Cinderelismo" puro! 


Dia ou noite? Vou contar para vocês por que optei por usá-lo à noite: tenho um imenso problema com oleosidade na minha pele. Quase todos os produtos supostamente oil free fazem minha pele brilhar que nem as meias do Michael Jackson nos anos 80. No entanto, há algum tempo já havia me entendido de forma milagrosa com um hidratante matificante diurno, o Effaclar M UV, da La Roche Posay. Em compensação, à noite, todas as minhas tentativas vinham resultando em frustração: acordava com a pele super oleosa e irritada. Por isso, resolvi usar o C E Ferulic no horário em que a pele precisa de proteção intensiva, mas não estava encontrando. Tem dado SUPER certo, já que ele não tem nenhuma oleosidade e seca logo depois de aplicado na pele. Por cima, uso apenas o creme para contorno dos olhos e lábios (Neovadiol, da Vichy).

O efeito: Pela combinação de vitamina C pura, vitamina E e ácido ferúlico, o sérum promete correção diária dos sinais de envelhecimento (ruguinhas, linhas de expressão, falta de viço e irregularidades no tom), neutralização dos danos causados por radicais livres, estimulação da síntese de colágeno e resultados antienvelhecimento incomparáveis. O que ele cumpre? Tudo isso! Eu sinceramente, nunca tive uma pele tão incrível! Vamos lembrar que eu tomo alguns cuidados essenciais sem esquecimento: limpeza diária (com o sabonete Effaclar, da La Roche Posay - meu amorrrrr!-  ou com o cleanser de Chá Verde da M.A.C), tonificação (Tônic Effaclar de dia e Clean and Clear à noite) e filtro solar sagradíssimo todos os dias (por causa da pele super oleosa, minha paixão é o Capital Soleil, da Vichy). Mesmo assim, vinha sofrendo com um terrível aspecto de pele cansada, além das primeiras linhas de expressão (momentinho que eu vou ali gritar e já volto). E não é que em um mês a diferença é visível? Não só diante do espelho, como nas fotos (adorei esse resultado! rs). E, além disso, a sensação de conforto e de pele lisinha é impressionante.

Quem se rendeu a ele? Preparadas para a lista de deusaaas que assumem sua paixão pelo Skin Ceuticals C E Ferulic? Blake Lively (podíamos parar por aqui, né?), Sienna Miller, J-Lo (que tem uma pele incríveeeel e parece não sofrer a ação do tempo), Uma Thurman e Keira Knightley. Além disso, o maquiador da série Crepúsculo entregou o segredo da pele luminosa da antes apática Bella Swan (Kristen Stewart) na primeira parte do filme "Amanhecer": preparação intensiva de 15 dias com Skin Ceuticals C E Ferulic todas as manhãs e Skin Ceuticals Hidratante Masque B5 todas as noites (preciso dizer que já estou à caça desse outro produtinho também?!). Além delas todas...EU, é claro! Afinal, com todo esse resultado, como deixar de usar esse verdadeiro milagre em gotinhas?

Sendo assim, um mês depois dessa rotina diária, fica o meu testemunho 100% favorável, e minha recomendação para quem procura um produto realmente eficaz para uma pele jovem, saudável e LINDA!

P.S importante sobre alguns similares: antes do C E Ferulic, já havia utilizado produtos similares (séruns concentrados antioxidantes e pró-rejuvenescimento da pele) de outras duas marcas muito conhecidas, com preços altíssimos, que foram super gentis em me enviar os produtos para testes. No entanto, eu me surpreendi ao não ver QUALQUER resultado em nenhum deles. Pode ser que varie de pele para pele? Sim. Mas como na minha não surtiu efeito, nem fiz post sobre esses produtos, já que achei injusto criticar, mas não recomendaria nada que eu mesma não amasse! Já com o C E Ferulic, alguns dos efeitos já foram imediatos, e precisei me segurar para esperar um mês inteiro de teste antes de correr para contar a boa nova aqui. Afinal, a credibilidade de um blog é o maior patrimônio dele, concordam? ;) Muita gente pode ganhar dinheiro vendendo opinião...prefiro manter a minha a ganhar a confiança dos meus leitores.


quarta-feira, 25 de abril de 2012

E os looks do Coachella 2012?

1 Amigas Comentaram. Experimenta!
Pois é, ano passado fizemos um post bem completinho, com uma baita cobertura dos looks do Coachella, e tinha tanta coisa legal que se apresentava como tendência para o verão 2011/2012, que ainda dava vontade de falar mais ainda sobre o assunto. Eis que 2012 chega, e, com o início da primavera no hemisfério norte, o famoso festival de música, que é praticamente um Woodstock repaginado. As tendências anunciadas no descolado Coachella merecem atenção: geralmente são uma breve apresentação do que vem por aí.

O que deu pra destacar como tendência: Analisando os looks, dá pra ver que os 70 continuam na crista da onda, com chapéus de Holly Hobbie (principal estrela do festival, especialmente na cor marrom!), Folk, saias longas e fluidas, tye dye, óculos redondinhos, babados, franjas, mix étnico (especialmente a print Asteca, que promete vir com tudo e mais alguma coisa!) e bolsinha transpassada. Com lenço e sem documento, digamos assim.
No entanto, outra super tendência que pôde ser percebida é a Destroyed, que fez o maior sucesso por aqui nos anos 90. Jeans rasgados e surrados, meias (calça e 7/8) escuras combinadas com vestidos leves ou com jeans, boné (jurava que só ia ver isso na cabeça das frentistas desde o crepúsculo dos anos 90), estampa camuflada, coturnos, jaquetas jeans box (aquelas que não são acinturadas e nem ajustadas no corpo e sim, parecem roubadas do namorado) e regatas (sim, regatas!) podrinhas.

Vamos dar uma olhada nos melhores e piores looks do evento, que nos fizeram traçar uma previsão do que devemos ver por aqui quando o verão se aproximar:

Você vê que quando a gente fala em Destroyed, o povo vai com força, né?! rs. Rihanna e a tendência personificada. Atenção para o short jeans de cintura alta e tachinhas.

Pela cara de "Senta lá, Cláudia!", a companhia não era das melhores. Mas, no look, Kate Bosworth acertou em cheio: Tye Dye fresquinho e fluido, bem 70's!
Alessandra Ambrósia personificando várias das tendências 70's apresentadas no festival, com destaque para o chapéu, sobre o qual falei acima, que promete ser o hit absoluto do verão.


Só eu que acho Vanessa Hudgens uma chata de galocha? Bom, literalmente, né ? Olhem a bota estilo coturno e a meia 7/8 preta (perninha grossa demais pra escolha, mas tudo bem) que polui, propositalmente, o look bucólico do vestidinho e chapéu. Com essa combinação, ela mistura as duas tendências principais: 70's Holly Hobbie e 90's Destroyed.

Lea Michelle me convenceu com esse vestidinho branco, cabelo, espadrilhas e óculos! Finalmente, me passa uma imagem de bem resolvida! Lauren Conrad sempre dança conforme a música, e raramente erra no figurino..em compensação, nunca me agrada totalmente. Não parece que rola uma pressão baixa constante? Come sal, menina!

Kristen Stewart 100% na cartilha do Destroyed. Beeem 90's. 

Gente, só eu achei que a Dita Von Teese parecia uma Tia Palmira com esse outfit?! Bom,  vestidinho bonitinho -soltinho- fresquinho "matificado" (gostei dessa metáfora, hein?! rs) pelo preto da bolsa, do cinto e do sapato. O dark side da leveza também vai ao encontro do Destroyed.

Mais Miss Hudgens pra vocês: dessa vez, toda na vibe 70's. Pegada folk, diga-se de passagem. Curti.

Sabem o que eu A-DO-RO na Diane Kruger? Ela é uma It-Woman sim, mas, apesar de ter um olho nas tendências e um super bom gosto, não é escrava disso. O T-Shirt Dress curtinho, listrado com flores, acompanhado de ankle boots de camurça, estava em sintonia com o conceito proposto, mas não se parecia em nada com o mais do mesmo que vimos nos outros looks. Personalidade é a diferença entre estar na moda e ter estilo. 

Emma Roberts está sempre de bem com o trendy, mas acho que exagerou um tantinho assim na proposta livre-leve-e-solta dos anos 70. O Short curtíssimo e o top tomara-que-caia feito de fuxico de banco de taxista não foram perdoados nem com o apoio do All Star. Muita exibição de parafina, gente (Legenda: branca que nem uma vela). Como sou fã de Titia Julia, vou dar mérito aos óculos, combinado?

Rosie Huntington-Whiteley parece mesmo estar com a estrela da vez. Foi, sem dúvida, a mais bonita do festival, acertando em cheio na escolha do look! E olha que, jeans com aplicação floridinha... não desde os idos de 1992! Mas funcionou e MUITO bem! 

Animal Print Meets Military, tipo, não sei se é tigre ou se é soldado camuflado? Yes we can! O destroyed pode ter classe SIM, minha gente! Olha a Kate Bosworth provando isso, de coturno e tudo! Keep it simple! 

Mais um vestidinho florido avacalhado por uma meia-calça preta desfiada e um sapato de Roberta Miranda: mas tudo milimetricamente proposital. Destroyed também na versão Katy Perry.

Eu sou fã do estilo de Michelle Trachtenberg (demorei pra conseguir desvincular esse juízo do horror que tenho da Georgina Sparks, tá, gente?!). O vestido longo, fluido e estampado, com jaqueta jeans e bolsa transpassada me levaram direto aos anos 90....mas de uma forma que eu adorei! Isso sim, vale a pena ver de novo. E bônus para os óculos!

Vamos esquecer e perdoar esse vestido e as luvinhas pink Material Girl?! Concentrem-se no It-Hat de que venho falando. Até ela, Paris Hilton, sacou que ele seria a peça do momento!

Se alguém nesse mundo pode ter superado o look de Rosie Huntington, esse alguém foi a ADORÁVEL Emma Watson! Simplesmente PERFEITA! Boho chic! E com o It-Hat! Amei tudo, tudo, tudo!

E Fergie, hein? Carregou demais na pegada folk (Deixou o Black Eyed Peas pra tocar no Fleetwood Mac, né?!), mas deixou bem claro que estava ciente da tendência. E olha o chapéu de novo!!!
Jessica Szohr foi de destroyed, mas com pegada étnica: reparem no casaquinho com o print  Asteca para o qual chamei atenção no texto!

Lindsay Lohan, que está confirmada para fazer o papel de Liz Taylor no novo filme sobre a vida da atriz, foi de microvestido florido (e colocou uma leve barriguinha d'água pra jogo, hein?!). Mas o que gostei mesmo foi a bolsa...MENTA! Lembra que falamos da cor no post "Me pinta de Verde Menta"?! Continua de pé a aposta!
Momento "Experimenta, meu camarada":
Me dê a mão, leitora! Se você também não perde um episódio de Gossip Girl e, por isso, acabou desenvolvendo aqueeeela simpatia pelos atores do elenco, seja forte. A gente falou na tendência detroyed, mas destruída messssmo, fiquei eu vendo o Dan Humphrey, digo, Penn Badgley desse jeito! A Blair não tá cuidando dele direitinho como a Serena, hein?! Ou será que a culpa é da namorada na vida real, Zoe Kravitz (filha de papai Lenny)?


Ô Rufus, não deixa mais seu filho sair assim não! 
E você, o que achou dos looks e das tendências que se anunciam?

Sabem a Lana Del Rey? Virou It-Bag da Mulberry!

1 Amigas Comentaram. Experimenta!
E quem foi que disse que autenticidade é condicionante para se tornar ícone fashion? Lana Del Rey, a cantora que se chama Elizabeth Grant, e primeiro tentou o sucesso com o nome artístico de Lizzy Grant, se repaginou dentro da perspectiva fashion, bebendo da fonte retrô que impulsionou Amy Winehouse, Adele e Duffy (entre outras que não alcançaram a margem com tanto êxito), e virou queridinha no mundo da moda.

Tãoooo queridinha, que caiu nas graças da Mulberry e ganhou uma nada singela homenagem...uma bolsa que leva seu nome! Sim, sim, sim: conhecida por consagrar It-girls com It-bags homônimas, a Mulberry, que já tinha feito um baita sucesso com a bolsa Alexa (homenagem à It-Chuchu, digo, It-Girl, Alexa Chung), lança agora a Del Rey.



E não é que a bolsa é LINDA mesmo?! Tem esse ar antiguinho que deixa a gente enlouquecida, tem todo o glamour de uma bolsa estruturada, cores lindas, shape perfeito e... é uma Mulberry, né?! Lana Del Rey fez o mínimo que se esperava, e anda com a sua para baixo e para cima (esse modelo branco, aliás, é um crime! Como não querer uma?!):




Para dar o toque final à lua de mel entre a cantora de "Video Games" e a grife, Lana foi a atração musical do jantar da Mulberry. Showzinho intimista: coisa exclusiva para a NATA do mundinho fashion!



Mais alguém aí pensando em mudar de nome?

terça-feira, 24 de abril de 2012

Blistex Fruit Smoothies - Apostei baixo, faturei altíssimo!

4 Amigas Comentaram. Experimenta!
Sabem aquelas pessoas que têm os lábios ressecados só de pensar? Sou dessas! Desde pequena, vivo em constante pé de guerra com meus lábios rachados, que não só machucam e irritam, como colocam qualquer batom em risco. Para solucionar a questão, já testei todo tipo de balm e afins que vocês possam imaginar. Aqueles bonitinhos e coloridos da Nivea? Piada! Os faladérrimos Carmex (que a gente precisa comprar lá fora porque nem são vendidos no Brasil)? Nem cócegas. Manteiga de Cacau? Bastões e mais bastões em vão. O que faz mesmo efeito são os poderosos Shiseido e Ceralip (da La Roche Posay). Só que o preço deles não é tão camarada que nos permita usar sem culpa, como se não houvesse amanhã. Sendo assim, um de dia, antes do make up (Shiseido) e outro antes de dormir (Ceralip). Em days of Vacas Magras, o Bepantol substitui o Ceralip à noite, mas não é a coisa mais prática e chique do mundo sair com aquela simpática bisnaguinha na bolsa, né? E nessa, meus lábios sofriam de uma considerável carência de hidratação ao longo do dia.

Até que, na semana passada, estava eu perambulando por comprinhas errantes (Copacabanense bate perna por natureza!) e, na Drogaria Onofre, encontrei um kit com três Blistex de frutas (Fruit Smoothies) por sorridentes R$ 16,60.



Pausa para o Hyperlink: Blistex são protetores labiais bem conhecidos nos EUA, como verdadeiros tratamentos para os lábios. Além de hidratação intensiva e alguns componentes cicatrizantes, os bonitinhos ainda têm proteção solar (FPS 15), o que já é um diferencial entre seus semelhantes. Com todo esse background conhecido na teoria, me encorajei a experimentar essa proteção na prática. Levei o trio (cada um é um mix de três frutas), e distribuí: um na bolsa de praia, outro na necessaire do dia-a-dia, e o terceiro na cabeceira da cama (o de abacaxi, manga e goiaba, que mais tenho usado). Resultado? ESTOU APAIXONADA!



Não acreditei quando constatei, na primeira semana, que meus lábios deixaram mesmo de ressecar e de rachar. Além disso, nada de grude: o Blistex, depois de aplicado, fica com uma consistência consideravelmente sequinha, e um brilho beeeem discretinho. Bônus? O gosto é delicioso (fator que você pode guardar pra si, ou compartilhar com quem seja de direito, né não?! rs)!

Por essas e outras, estou pensando sinceramente em voltar na Onofre e comprar mais uns dois kits para estoque (eu e essa minha veia sessentinha de criar bunkers abastecidos). Afinal, uma vez que o vício (justificado!) se instala, você quer passar o Blistex o tempo todo! E eu não pretendo ficar sem eles nunca mais. Preciso dizer que está mais do que recomendado? Muito BOM, cheiroso-gostoso-e-BONITO e consideravelmente BARATO. Dada a dica!


quarta-feira, 18 de abril de 2012

Tribeca Film Festival - Os looks do evento

1 Amigas Comentaram. Experimenta!
Mais um Red Carpet, mais uma cobertura de looks. Mesmo se tratando de um evento mais modestinho do que Oscar, Golden Globes e afins, o Festival de Cinema de Tribeca é super descolado, e costuma dizer muito sobre as tendências que se anunciam (já que é geralmente protagonizado pela vanguarda antenadíssima). Por isso, a gente não podia deixar de analisar os looks que mais chamaram atenção no evento. Vamos a eles?

Um dos looks mais comentados e elogiados da noite, sem dúvida, foi o Lanvin pink de Dakota Fanning. Amamos a combinação com o sapatinho de mocinha de família caramelo mas...que diabos é isso na cabeça da menina?!

Katherine Zeta Jones é LINDA e isso é indiscutível. Também AMEI os sapatos mas... esse vestido me pareceu tão... barato! Alguém mais teve essa sensação de Aviões do Forró?

Caraca, Donna Karan, ainda bem que você não é modelo da sua própria grife! Tudo bem que a gente entende a avaria do material, muletinha e tudo...mas nenhuma tendência ou catástrofe justifica tamanha falta de harmonia nessa roupa. Não MESMO!

Jamie Chung, em compensação, estava uma boneca perfeita com seu tubinho preto cheio de estilo. Linda e elegante, sem parecer antiquada nem quadradinha demais. 

Jessica White colocou um fendão na avenida, mas acertou em cheio com seu branco longo e  sensualíssimo sem vulgaridade. Bônus para o rabo de cavalo, que suaviza o look fatale.

Julia Louis-Dreyfus estava fofíssima a bordo de um pretinho 100% básico.
Gillian Jacobs foi a dona de um dos meus looks favoritos. Leve, descontraído  e atual.

Helena Christensen saiu da praia e foi para o festival, né? E, como carioca, confesso que AMEI o look!  Uma sensualidade típica do estilo Sophia Loren.

Leelee Sobieski arriscou com um branco elegantérrimo e nada comum, e se tornou uma das maiores estrelas do Red Carpet do evento. Presságio de tendência?

Nicole Trunfio, olha só...NÃO! Dourado com preto tá super na moda, o barroco impera, tudo isso a gente sabe. Mas  economizar no metro de tecido tem hora, né? 

Tory Burch também saiu do lugar comum, e arrasou com o shape e o grafismo do vestido.

E para quem sentiu falta de cor nos looks, a explicação: Wendi Deng roubou TODOS os tons vivos para compôr esse look que deixa qualquer color block pálido! Bom, alegre ficou, né? #Pollyanna
E você, o que achou dos modelitos que passaram pelo evento?